Blog

Tirinha #755 – Amor, você me ama?

amor, você me ama

Tirinha #754 – Dave & Harold #128

#128

Para ler mais Dave & Harold, clique aqui!

Meu melhor amigo mora do outro lado… da tela.

onlinefriends

Desde criança, sempre fui bastante comunicativa. Diz minha mãe que é culpa dessas simpatias que se fazem pra que a criança desembeste a falar. Acho que funcionou comigo de uma forma um pouco mais… acentuada.

Na internet não seria diferente. Minha facilidade de entrar em círculos, fóruns e chats era um trunfo na terra-dos-separatismos que é a rede mundial de computadores. De papo em papo, caí em uma janela de MSN com mais um monte de gente. Eu só conhecia uma pessoa ali, mas isso não era problema pra mim. Em poucas horas, aquelas pessoas viraram meus companheiros de tardes, noites e madrugadas. Mas, como todo chat onde o amigo adiciona o amigo que adiciona outro amigo que adiciona o amigo e assim por diante, o negócio virou uma zona completa. Hora de dar tchau, pensei. Mas eu também não queria perder contato com algumas pessoas bacanas que estavam por lá. Adicionei-as e continuei aquela jornada tantas vezes percorrida sem maiores resultados. Muita conversa pra jogar fora, pouco o que se fazer sendo uma pré adolescente numa cidade entediante. Mas dessa vez as coisas iam tomar outro rumo.

Cinco anos e contando. Muitos cliques, web chamadas, lágrimas, risos, segredos. Alguns encontros, saudades sempre constantes e a mesma cumplicidade das primeiras vezes.

Talvez você deva estar pensando “beleza, parabéns aí, mas e o que porra eu tenho com isso?”. Deixe-me explicar, caro leitor. Por mais que eu tenha contado sobre minha jornada nos parágrafos anteriores, esse texto não é sobre mim. Nem sobre os amigos que cultivei, nem sobre o poder da internet. É sobre acasos que dão certo. Improváveis resultados que surgem de equações bobas.

As coisas vão além do que é ou não compreensível. Os sentimentos também. Já fui de duvidar e desacreditar muito. Hoje em dia, só deixo que aconteça. Que o curso siga. Na verdade, que eu siga e que o curso me traga o que tem a me oferecer.

Se você fizer o mesmo, onde vai dar? Bom, aí é com você e as outras 7 bilhões de pessoas no planeta. Quem sabe alguma delas possa cruzar seu caminho por acaso (ou por destino). Quem sabe alguma delas fique.

gueibs

Tirinha #753 – O fim da linha

o fim da linha

Tirinha #752 – Começa de verdade agora

começa de verdade agora

E o dia foi salvo pela legenda da tirinha de outro blog. Valeu, Coala.

Goto Top